Archive for the ‘Contos’ Category

Contos morais: Esmola

Sunday, October 2nd, 2011

Um passo à frente no metrô lotado; subo apressado os degraus da escada que é rolante; no sentido oposto as faces não têm face.

Cada passo mede e antecipa o seguinte – como se a rotina não fosse automática mas pedisse atenção.

As poças passam em caleidoscópio de brilho e reflexo sob o dia cinza de chuva finda.

O motoboy que antecipa o farol, a moça que vende a flor, o menino de olhar triste que pede o trocado – empecilho, fardo.

Em cima da hora: o avião vai partir. Não se consegue mais táxi nesta cidade! Em vinte minutos o vôo encerra. Depois é no-show, remarcação e desculpas para a Luiza.

Amanhã tem que entregar relatório na empresa – o Almeida ainda não mandou o orçamento. (Por que afinal me encarregaram disso?)

No guichê do aeroporto, a fila usual. Vai dar tempo?

Uma senhora se aproxima. Veste camisa elegante, de tom claro, mais de senhora que de executiva. Seus olhos se fixam nos meus e depois se perdem. Fala de forma discreta. Perdeu a carteira com cartão, dinheiro e o bilhete de volta; o marido não está em casa; precisa de ajuda para retornar de táxi para a casa da irmã. À medida que relata, a potência da voz vai baixando, envergonhada, arrependida. Poderia ser eu, poderia ser a Luiza. Abro a carteira e encontro uma nota de cem. Apenas um jantar, penso.